A CONSTITUIÇÃO DA IDENTIDADE DA PROFISSÃO PROFESSOR

Maria Anita Viviani Martins

Resumo


Reconhece-se que a identidade do agente professor sofreu mudanças pelos determinantes da espacialidade e temporalidade própria no desenvolvimento da profissão. As exigências da atualização da atividade docente e a sua conseqüente revalorização são compreendidas, pelos professores, como desvalorização. Essa perda do valor profissional está vinculada à ruptura com a identidade originária na atribuição desse papel, isto é, àquilo que foi historicamente determinado como os modos de ser da profissão. Nesse âmbito de conflito, na consciência docente oposições se confrontam: a designada como identidade especializada, e a identidade específica do professor. Esta historicamente construída, marcada pela tradição que materializou o conjunto de características pelos quais um professor é reconhecido, cujo traço de distinção é o entre si de entidades humanas de igual gênese. Aquela abrange a exploração de condições favoráveis com o fim de alcançar objetivos específicos na produção do ato docente. Este conflito tem suportes axiológicos e teleológicos e se mostra quando a tradição é cotejada com a intervenção educativa produzida a partir das demandas de educação de massa, qualidade de ensino, formação do professor. Compreende-se que emerge o conflito paradigmático no ato do processo de tomada de decisão para a construção da intervenção. Apreende-se a necessidade de recolocar a identidade do professor na sua temporalidade e espacialidade próprias.


Palavras-chave: identidade, atualidade, oposições paradigmáticas.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


O desenho do cabeçalho e da capa da Revista Pesquisa Qualitativa é de Carmem Aranha. Ele foi feito na praça São Benedito, diante de um arbusto cujo tronco (e galhos) lembravam um ideograma chinês. (Árvore de Amparo - Desenho e grafite 6B, c 15x21 cm). Agradecemos à Carmem Aranha por ter cedido sua arte à Revista.

 

 

 Indexadores

 

                                                    

                                                                                    

                                                                                                                                                                                                                    

 Licenciamento de Conteúdo/Content License

Licença Creative Commons
A revista RPQ - Revista Pesquisa Qualitativa, adota a política de licenciamento de seu conteúdo pela política do Creative Commons sob a licença: Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.